BRICS

As principais características do Brics, significado da sigla, países que formam o bloco e seus objetivos.


Os países emergentes do Brics
Os países emergentes do Brics


Introdução: o que é e países que fazem parte

 

O termo BRIC foi criado em 2001 pelo economista inglês Jim O'Neill para fazer referência a quatro países Brasil, Rússia, Índia e China. Em abril de 2011, foi adiciona a letra "S" em referência a entrada da África do Sul (em inglês South Africa). Desta forma, o termo passou a ser BRICS. 

 

Estes países emergentes possuem características comuns como, por exemplo, bom crescimento econômico. Ao contrário do que algumas pessoas pensam, estes países não compõem um bloco econômico, apenas compartilham de uma situação econômica com índices de desenvolvimento e situações econômicas parecidas. Eles formam uma espécie de aliança que busca ganhar força no cenário político e econômico internacional, diante da defesa de interesses comuns. A cada ano ocorre uma reunião (cúpula) entre os representantes destes países, que buscam formalizar acordos e medidas com claros objetivos de compor um bloco econômico.

 

Características comuns destes países:



- Economia estabilizada recentemente;


- Situação política estável;


- Mão de obra em grande quantidade e em processo de qualificação;


- Níveis de produção e exportação em crescimento;


- Boas reservas de recursos minerais;


- Investimentos em setores de infraestrutura (estradas, ferrovias, portos, aeroportos, usinas hidrelétricas, etc.);


- PIB (Produto Interno Bruto) em crescimento;


- Índices sociais em processo de melhorias;


- Diminuição, embora lenta, das desigualdades sociais;


- Rápido acesso da população aos sistemas de comunicação como, por exemplo, celulares e Internet (inclusão digital);


- Mercados de capitais (Bolsas de Valores) recebendo grandes investimentos estrangeiros;


- Investimentos de empresas estrangeiras nos diversos setores da economia.



PIB dos países BRICS:

 

- Brasil: R$ 6,8 trilhões (US$ 1,8 trilhão - cotação do dólar em 28/02/19 a R$ 3,76)

- Rússia: US$ 1,7 trilhão (ano de 2019)

- Índia: US$ 2,8 trilhões (ano de 2019)

- China: US$ 12,9 trilhões (ano de 2019)

- África do Sul: US$ 419,2 bilhões (ano de 2019)

 

Foto dos líderes dos países do Brics na cúpula de 2019

Os líderes dos países do Brics na cúpula de 2019, realizado no Brasil. Da esquerda para a direita: Xi Jinping (presidente da China), Vladimir Putin (presidente da Rússia), Jair Bolsonaro (presidente do Brasil), Narendra Modi (primeiro-ministro da Índia) e Cyril Ramaphosa (presidente da África do Sul).

 

 

 

 



artigo revisado e atualizado em 18/11/2020




Você também pode gostar de:


BRICS Temas Relacionados
Bibliografia Indicada

 

BRICs - Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul

Autor: Casella, Paulo B.

Editora: Atlas

Temas: Economia, Relações Exteriores e Comércio Internacional.

 


Os textos deste site não podem ser reproduzidos sem autorização de seu autor.
Só é permitida a reprodução para fins de trabalhos escolares.
Copyright © 2004 - 2021 SuaPesquisa.Com
Todos os direitos reservados.