Império Assírio

Os assírios formaram um grande e poderoso império no Oriente Médio na Antiguidade.


Arqueiros assírios: o exército era a grande força do império
Arqueiros assírios: o exército era a grande força do império

 

Introdução - período histórico e localização geográfica

 

O Império Assírio foi um reino, que se desenvolveu na região norte da Mesopotâmia (no Oriente Médio), entre os anos de 2.500 a.C. e 612 a.C.

 

Principais características do Império Assírio:



As duas capitais do império:

 

- O Império Assírio teve duas capitais: a cidades de Assur e depois Nínive.

 

Economia

 

- A economia assíria era baseada, principalmente, na agricultura e também nas pilhagens obtidas nas guerras. A agricultura dependia das enchentes do rio Tigre, que deixava o vale fértil.

 

Violência

 

- Outra característica marcante dos assírios era a violência que utilizavam com seus inimigos de guerra. Há relatos de várias ações cruéis contra adversários. O exército assírio era muito poderoso, bem preparado e armado. Eles eram muito temidos pelos povos vizinhos.

 

Os principais reis da Assíria

 

- O primeiro grande rei assírio foi Sargão I. Ele foi o responsável pela refortificação da cidade de Assur (capital do Império Assírio). Tambem reformou o templo de Ishtar (deusa babilônica da beleza, do amor, da fertilidade e da vida), localizado na cidade de Assur.

 

- Porém, o período de maior desenvolvimento do povo assírio foi durante o reinado de Senaqueribe (entre 705 a.C. e 681 a.C.). Foi ele que transferiu a capital do império de Assur para Nínive. Outros reis importantes no Império Assírios foram: Sargão II e Assurbanipal (último grande rei assírio).

 

Relevo do rei assírio Assurbanipal II

Assurbanipal II: um dos mais importantes reis assírios.

 

Poder dos reis

 

- O rei era a autoridade máxima no Império Assírio e concentrava vários poderes em suas mãos (governo monárquico e autoritário). Os chefes militares também tinham importância na sociedade. Existiam também os sacerdotes, os comerciantes, os artesãos e os agricultores. Com relação ao trabalho, havia o sistema de servidão coletiva, principalmente para os capturados em batalhas.

 

Religião

 

- Os assírios possuíam uma religião politeísta (crença em vários deuses). O principal deus assírio era Assur, que era identificado com o Sol e com o poder da guerra. Outros deuses importantes do panteão assírio eram: Adad (deus das chuvas e das tempestades), Anu (deus do céu), Nabu (deus da sabedoria e da escrita), Dagan (deus da fertilidade), Astarte (deusa da guerra e do amor), Enki (deus da água) e Tammuz (deus da vegetação e da comida).

 

Arquitetura, escrita e arte

 

- Na arquitetura, podemos destacar a construção de templos, palácios e zigurates.

 

- A escrita dos assírios era a cuneiforme e a língua principal era o acadiano.

 

- Com relação as artes, podemos destacar os relevos que decoravam as paredes dos palácios. Esses relevos, geralmente, retratavam as qualidades (principalmente força e valentia) e grandes conquistas militares dos imperadores assírios. Havia também nos palácios grandes esculturas e azulejos policromados decorativos.

 

Rei assírio Sargão II e um dignatário

Rei assírio Sargão II e um dignatário (baixo-relevo)

 



DESTAQUE


Senaqueribe: um dos principais reis do Império Assírio

 

 

Quem foi

 

Senaqueribe foi um rei do Império Assírio. Seu reinado foi de 705 a.C. a 681 a.C. Era filho de outro grande imperador assírio, Sargão II.

 

O período do seu reinado foi marcado por vários conflitos, que ocorreram em diversas regiões do Crescente Fértil.

 

Ele foi o segundo rei da dinastia Sargonida.

 

Principais realizações do seu reinado:

 

- Transferiu a capital do Império Assírio da cidade de Assur para Nínive.

 

- Atacou a cidade de Jerusalém. De acordo com o livro de Reis (Antigo Testamento da Bíblia), ele foi derrotado pelo reino de Judá, sob o comando do rei Ezequias, que foi ajudado por um anjo.

 

- Seu reinado foi marcado pela realização de diversas obras arquitetônica, principalmente de obras públicas. Templos, palácios, jardins, muros e aquedutos foram construídos, principalmente na cidade de Nínive, durante seu reinado.

 

Curiosidade histórica:

 

- Devido a sua importância, Senaqueribe era chamado pelos assírios de "Rei dos quatro cantos do mundo" e "Rei do Universo".

Senaqueribe liderando o exército contra a Babilônia

Senaqueribe liderando o exército contra a Babilônia

 

 

 



Publicado em: 23/07/2020 - atualizado em 03/12/2020

Por Jefferson Evandro Machado Ramos
Graduado em História pela Universidade de São Paulo - USP (1994).




Você também pode gostar de:


Império Assírio Temas Relacionados
Bibliografia Indicada


Fontes de pesquisa consultadas para a elaboração do texto:

 

- ARRUDA. José Jobson de Andrade. História Antiga e Medieval. São Paulo: Editora Ática, 1988.

 

- GUARINELLO, Norberto Luiz. História Antiga. São Paulo: Contexto, 2013.


Os textos deste site não podem ser reproduzidos sem autorização de seu autor.
Só é permitida a reprodução para fins de trabalhos escolares.
Logotipo do site Suapesquisa.com em preto e branco Copyright © 2004 - 2021 SuaPesquisa.com
Todos os direitos reservados.