Astecas - história cultura e arte

 História dos Astecas 
Conheça a história dos Astecas, formação do Império, arquitetura, religião, imperador Montezuma,  
agricultura, economia, artesanato, cultura e arte

guerreiro asteca 
Guerreiro Asteca  

 

Introdução 

Povo dedicado à guerra, os astecas habitaram a região do atual México entre os séculos XIV e XVI. Fundaram no século XIV a importante cidade de Tenochtitlán (atual Cidade do México), numa área de pântanos, próxima do lago Texcoco.

Sociedade asteca 

A sociedade era hierarquizada (dividida em camadas bem definidas) e comandada por um imperador, chefe do exército. A nobreza era também formada por sacerdotes e chefes militares. Os camponeses, artesãos e trabalhadores urbanos compunham grande parte da população. Esta camada mais baixa da sociedade era obrigada a exercer um trabalho compulsório para o imperador, quando este os convocava para trabalhos em obras públicas (canais de irrigação, estradas, templos, pirâmides). 

Montezuma 

Durante o governo do imperador Montezuma II (início do século XVI), o império asteca chegou a ser formado por aproximadamente 500 cidades, que pagavam altos impostos para o imperador. O império começou a ser destruído em 1519 com as invasões espanholas. Os espanhóis dominaram os astecas e tomaram grande parte dos objetos de ouro desta civilização. Não satisfeitos, ainda escravizaram os astecas, forçando-os a trabalharem nas minas de ouro e prata da região. 

Agricultura 

Os astecas desenvolveram muito as técnicas agrícolas, construindo obras de drenagem e as chinampas (ilhas de cultivo), onde plantavam e colhiam milho, pimenta, tomate, cacau etc. As sementes de cacau, por exemplo, eram usadas como moedas por este povo.

Artes, religião e arte asteca

O artesanato a era riquíssimo, destacando-se a confecção de tecidos, objetos de ouro e prata e artigos com pinturas. A religião era politeísta, pois cultuavam diversos deuses da natureza (deus Sol, Lua, Trovão, Chuva) e uma deusa representada por uma Serpente Emplumada. A escrita era representada por desenhos e símbolos. O calendário maia foi utilizado com modificações pelos astecas. Desenvolveram diversos conceitos matemáticos e de astronomia.

Na arquitetura, construíram enormes pirâmides utilizadas para cultos religiosos e sacrifícios humanos. Estes, eram realizados em datas específicas em homenagem aos deuses. Acreditavam, que com os sacrifícios, poderiam deixar os deuses mais calmos e felizes.

Para saber mais:

- SOUSTELLE, Jacques - A civilização Asteca, Rio de Janeiro, Zahar Editor, 1987.
- SOUSTELLE, Jacques - Os astecas na véspera da conquista espanhola. São Paulo, Companhia das letras,1990.
- LEÓN-POTILLA, Miguel - A visão dos vencidos. A tragédia narrada pelos astecas. Porto Alegre, LPM, Editores, 1985.
- RICARD, Robert - La conquista espiritual de México. México, Fondo de Cultura

 

 

 

__________________________________

Veja também:

Arte asteca

Deuses Astecas

Cultura dos astecas

Curiosidades sobre os Astecas

Economia Asteca

Imagens dos Astecas

Montezuma

Livros sobre os astecas

__________________________________

 

 

 

Acessar História

Página Inicial | Pesquisar Conteúdo | Trabalhos Escolares | Dicas de Estudo

 

 

 

 

Copyright © 2004 - 2013 Sua Pesquisa.Todos os direitos reservados. Este texto não pode ser reproduzido
sem autorização de seu autor. Só é permitida a reprodução para fins de trabalhos escolares.