Bloqueio Continental

O que foi o bloqueio continental de Napoleão e suas repercursões


Napoleão e o imperador da Rússia se abraçando após o Acordo de Tilsit
Napoleão e o imperador da Rússia se abraçando após o Acordo de Tilsit


O que foi e objetivo principal

 

O Bloqueio Continental foi uma medida comercial restritiva, imposta pelo imperador da França Napoleão Bonaparte, em novembro de 1806. Este bloqueio tinha a intenção de bloquear o acesso aos portos do Reino Unido, Grã- Bretanha e Irlanda.


O intuito desse bloqueio era afetar principalmente a Inglaterra e. devido à derrota em Trafalgar, Napoleão não podia invadir mais os territórios britânicos e arrumou uma forma de se vingar criando o Bloqueio Continental.

 

Características, como ocorreu e resultados

 

Os navios que atracassem em um porto que estava sob confisco do bloqueio, era inspecionado e sujeito a captura da carga pelos franceses. Depois de alguns anos, os navios da Inglaterra, que estavam em alto mar, passaram a ser considerados neutros e “disponíveis” para serem saqueados.



O bloqueio continental não teve tanta adesão como pretendia Napoleão, tendo funcionado mais à base de subornos. O Acordo de Tilsit (1807), com o governante da Rússia, garantiu a França o bloqueio somente ao extremo leste da Europa e, para ter mais eficácia, era necessário que Portugal e Espanha aderissem aos fechamentos também, pelo que assim também teria o lado Oeste do continente.



O posicionamento de Portugal foi sempre neutro, entretanto o país já tinha uma aliança muito antiga com a Inglaterra. Como não havia capacidade de Portugal enfrentar a França, o príncipe regente D. João VI não fez questão de concordar com o bloqueio, aceitando a ajuda da Inglaterra e foi com a corte para o Brasil, transformando-o na sede de seu reino.



Ocorreram muitas fraudes no bloqueio continental. As nações que tinham mais afinidades com Napoleão foram enfraquecendo sua confiança e admiração. Essa falta de consideração e perda de legitimidade de Napoleão ocasionaram muitas repressões na população e consequentemente gastos e danos à economia da França que a enfraqueceram ainda mais.

 

Enfraquecimento do bloqueio

 

O posicionamento da Espanha e de Portugal foram essenciais e impactantes para o enfraquecimento do Bloqueio Continental imposto por Napoleão Bonaparte. Posteriormente, em 1812, a Rússia também colocou o bloqueio de lado, dando um fim a esse processo.


Napoleão Bonaparte em seu cavalo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Napoleão Bonaparte: bloqueio continental foi uma forma de enfraquecer comercialmente o Reino Unido.

 

 

________________________

Publicado em 13/03/2020.

Por Misleine Neris de Souza Silva

Licenciada em História pela Faculdade JK de Brasília (2012) e Pós-Graduada em História Cultural pelo Centro Universitário Claretiano (2014).






Bloqueio Continental Temas Relacionados
Bibliografia Indicada

 

- CAMPOS, Raymundo. Estudos de História Moderna e Contemporânea. São Paulo: Editora Atual, 1988.

 

- CÁCERES, Florival; PEDRO, Antônio. História Geral. São Paulo: Moderna, 1988.


Veja Também


Temas diversos

Os textos deste site não podem ser reproduzidos sem autorização de seu autor.
Só é permitida a reprodução para fins de trabalhos escolares.
Copyright © 2004 - 2020 SuaPesquisa.Com
Todos os direitos reservados.