Bacias Hidrográficas do Brasil e suas características principais

Saiba quais são as principais bacias hidrográficas brasileiras, seus principais rios e características.


Bacia Amazônica: a maior do Brasil
Bacia Amazônica: a maior do Brasil


Definição de bacia hidrográfica

 

Bacia hidrográfica é uma área onde ocorre a drenagem da água das chuvas para um determinado curso de água (geralmente um rio). Com o terreno em declive, a água de diversas fontes (rios, ribeirões, córregos, etc) deságuam num determinado rio, formando assim uma bacia hidrográfica. Logo, uma bacia hidrográfica é formada por um rio principal (as vezes dois ou três) e um conjunto de afluentes que deságuam neste rio principal.

 

Principais Bacias Hidrográficas do Brasil e suas características



1 - Bacia Amazônica

 

- Localizada na região norte do Brasil, é a maior bacia hidrográfica do mundo, possuindo 7 milhões de quilômetros quadrados de extensão (4 milhões em território brasileiro).

 

- O rio principal desta bacia é o Amazonas que nasce no Peru e depois percorre o território brasileiro.

 

- Possuí cerca de 23 mil quilômetros de rios navegáveis.

 

- Fazem parte desta bacia diversos afluentes do rio Amazonas como, por exemplo, rio Negro, Solimões, Branco, Juruá, Xingu, Japurá, entre outros.

 



Mapa das Bacias Hidrográficas do Brasil (fonte: Ministério dos Transportes - Governo Federal)

 

Mapa das Bacias Hidrográficas do Brasil (fonte: Ministério dos Transportes - Governo Federal)

Legenda

 Bacia Amazônica
 Bacia do Araguaia-Tocantins
 Bacia do rio Paraíba
 Bacia do rio São Francisco
 Bacia do Paraná
 Bacia do rio Paraguai
 Bacia do rio Paraíba do Sul
 Bacia do rio Uruguai

 

 

2 - Bacia do rio Paraná

 

- Possui uma extensão de, aproximadamente, 800 mil quilômetros quadrados.

 

- Localiza-se em grande parte na região sudeste e sul do Brasil (região de maior desenvolvimento econômico do país).

 

- Seu principal rio é o Paraná que recebe as águas de diversos afluentes como, por exemplo, rio Tietê, Paranapanema e Grande.

 

- Possui grande potencial gerador de energia elétrica. Nesta bacia encontram-se as usinas hidrelétricas de Itaipu (maior do Brasil) e Porto Primavera.

 

- A hidrovia Tietê-Paraná é uma importante rota de navegação nesta bacia.


 

3 - Bacia do rio Paraguai


- O principal rio desta Bacia é o Paraguai.

 

- Grande parte desta bacia estende-se pela planície do Pantanal Mato-Grossense.

 

- Os rios desta bacia são muito usados para a navegação.

 

- O rio Paraguai drena a água de uma região de aproximadamente 1 milhão de quilômetros quadrados.

 

4 - Bacia do rio Parnaíba

 

- Localiza-se na região nordeste, entre os estados do Ceará, Maranhão e Piauí.

 

- Possui, aproximadamente, 340 mil quilômetros quadrados de extensão.

 

- O principal rio é o Parnaíba que recebe as águas de diversos afluentes, sendo que os principais são: rios Gurguéia, Balsas, Uruçuí-Preto, Poti, Canindé e Longa.

 

- A principal atividade econômica desenvolvida no rio Parnaíba é a piscicultura (criação de peixes).

 

5 - Bacia do Araguaia-Tocantins

 

- Localiza-se nas regiões central e norte do Brasil, entre os estados de Tocantins, Goiás, Pará e Mato Grosso do Sul.

 

- Os dois rios principais que fazem parte desta bacia são o Araguaia e o Tocantins. 

 

- O rio Tocantins possui bom potencial hidrelétrico, sendo que nele está instalada a usina de Tucuruí.

 

6 - Bacia do rio São Francisco

 

- Localiza-se em grande parte em território do Nordeste, entre os estados da Bahia, Sergipe e Alagoas. Porém, o trecho inicial da bacia está localizado no norte de Minas Gerais.

 

- Possui uma área de, aproximadamente, 650 mil quilômetros quadrados de extensão.

 

- O rio São Francisco é muito importante para a irrigação de terras em seu percurso e também para a navegação.

 

- Os principais afluentes do São Francisco são: rios Pardo, Ariranha, Grande e das Velhas. 

 

7 - Bacia do rio Uruguai

 

- Situada na região sul do Brasil, esta bacia estende-se também pelo território do Uruguai.

 

- Possui cerca de 180 mil quilômetros quadrados de extensão.

 

- Esta bacia apresenta importante potencial hidrelétrico, além de ser usado para a irrigação nas atividades agrícolas.

 

Foto do Rio Uruguai

Rio Uruguai

 

8 - Bacia do rio Paraíba do Sul

 

- Localiza-se na região sudeste, entre os estados de São Paulo e Rio de Janeiro (maior parte).

 

- Sua extensão é de, aproximadamente, 300 mil quilômetros quadrados.

 

- O principal rio desta bacia é o Paraíba do Sul.

 

 

 

OUTRAS IMPORTANTES BACIAS HIDROGRÁFICAS BRASILEIRAS:

 

 

Bacia Hidrográfica do Atlântico Nordeste Ocidental

A bacia hidrográfica do Atlântico Nordeste Ocidental está localizada no Nordeste brasileiro, no território do estado do Maranhão (região norte).

 

Principais características geográficas e hidrográficas:

 

- Possui extensão aproximada de 254,1 mil km² (corresponde a cerca de 3% do território brasileiro).

 

- A maior parte dos rios desta bacia é de pequeno e médio porte, não apresentando grandes volumes de água.

 

- Nas áreas desta região hidrográfica predominam os biomas do Cerrado e da Amazônia.

 

- Os principais e maiores rios da bacia do Atlântico Nordeste Ocidental, no tocante a volume de água, são Mearim, Turiaçu, Pindaré, Itapecuru, Gurupi e Pericumã.

 

- Grande parte dos rios desta região tem a nascente na serra do Gurupi e na serra das Alpercatas. Muitos destes rios deságuam no Oceano Atlântico.

 

- O clima desta região é o tropical, com verão úmido e inferno seco.

 

- O regime fluvial dessa bacia hidrográfica é o tropical austral. Porém, ele é irregular, devido à influência do clima semiário da região.

 

- Os rios dessa bacia hidrográrica percorrem área com relevo dos tipos planalto e planície.

 

- As principais atividades econômicas realizadas nos rios da bacia são: irrigação, navegação e pesca.

 

Rio Turiaçu no Maranhão

Rio Turiaçu no Maranhão: um dos principais rios da Bacia hidrográfica do Atlântico Nordeste Ocidental.

 

 

 

Bacia do Atlântico Nordeste Oriental

 

 

Localização geográfica

 

A bacia hidrográfica do Atlântico Nordeste Oriental está localizada no Nordeste brasileiro, nos territórios dos estados do Rio Grande do Norte, Paraíba, Ceará, Pernambuco e Alagoas.

 

Principais características:

 

- Possui extensão aproximada de 287,3 mil km² (corresponde a cerca de 3,4% do território brasileiro).

 

- A maior parte dos rios desta bacia é de pequeno e médio porte, não apresentando grandes volumes de água.

 

- Nas áreas desta região hidrográfica predomina o bioma da Caatinga. Porém, também encontramos, em menor quantidade, a presença de vegetação de cerrado e alguns fragmentos de Mata Atlântica e vegetação costeira.

 

- Os principais e maiores rios da bacia do Atlântico Nordeste Oriental, no tocante a volume de água, são o Paraíba, Jaguaribe, Capibaribe e Acaraú.

 

- Grande parte dos rios desta região tem a nascente no Planalto da Borborema e a foz no Oceano Atlântico.

 

- Os climas predominantes nesta bacia hidrográfica são: litoral úmido (faixa litorânea) e tropical semiárido (área interior).

 

- O regime fluvial dessa bacia é do tipo tropical austral. Ele é irregular, devida a influência do clima semiárido.

 

- Os rios da bacia são aproveitados economicamente por atividades de pesca, irrigação e navegação.

 

Rio Capibaribe na cidade do Recife

Capibaribe: um dos principais rio da bacia do Atlântico Nordeste Oriental.

 

 

Bacia do rio Parnaíba

 

 

Localização geográfica

 

A Bacia Hidrográfica do rio Paranaíba está localizada na região Nordeste do Brasil, mais especificamente nos territórios dos seguintes estados: Piauí (quase a totalidade), Ceará, Maranhão e Pernambuco.

 

Principais dados geográficos, características e informações hidrográficas:

 

- A região hidrográfica desta bacia abrange uma área de, aproximadamente, 334 mil km².

 

- Os rios pertencentes a Bacia do Parnaíba possuem cerca de 1.400 km de extensão.

 

- Biomas encontrados na região hidrográfica do Parnaíba: Caatinga (predominante), Cerrado e bioma costeiro.

 

- O regime fluvial dessa bacia é irregular, em função, principalmente, da influência do clima semiárido.

 

- A região hidrográfica é dividida em três sub-bacias: Alto Parnaíba, Médio Parnaíba e Baixo Parnaíba.

 

- Vivem nesta região hidrográfica cerca de 4 milhões de habitantes.

 

- Cerca de 240 cidades estão presentes nesta região hidrográfica. Sendo Teresina, capital do Piauí, a única capital. O Parnaíba atravessa o território de Teresina.

 

- Nesta região hidrográfica está presente a Represa da Boa Esperança.

 

- A Região Hidrográfica do rio Parnaíba ocupa cerca de 4% do território brasileiro.

 

- Os rios dessa bacia percorrem áreas de planícies e planaltos.


- O aproveitamento econômico dessa bacia é voltado, principalmente, para irrigação, geração de energia elétrica e navegação.

 

- A foz do principal rio da bacia, o Parnaíba, é do tipo delta.

 

- A principal usina hidrelétrica dessa bacia é a Usina Hidrelétrica de Boa Esperança, localizada no rio Parnaíba. A capacidade de geração dessa usina é de 270 MW por hora.

 


Principais rios da Bacia do Parnaíba:

 

- Rio Parnaíba

- Rio Gurgueia

- Rio das Balsas

- Rio Canindé

- Rio Piauí

- Rio Longá

- Rio Poti

- Rio Uruçuí Vermelho

- Rio Uruçuí Preto

- Rio Itaueira

- Rio Fidalgo

- Rio Itaim

- Rio Guaribas

 

Foto do Rio Gurgeia

Rio Gurgeia: localizado no estado do Piauí, é o principal afluente do rio Parnaíba.

 



Bacia do Atlântico Sudeste

 

Grande parte da bacia hidrográfica do Atlântico Sudeste está localizada na porção oriental da região sudeste do Brasil (estados de Minas Gerais, Rio de Janeiro, Espírito Santo e São Paulo). Alguns rios desta bacia também estão presentes na faixa litorânea norte do estado do Paraná.

 

Principais características:

 

- Possui extensão aproximada de 230 mil km² (corresponde a cerca de 2,7% do território brasileiro).

 

- Nesta bacia hidrográfica existem rios de pequeno, médio e grande porte. Ocorre também a presença de muitos córregos, ribeirões e riachos.

 

- Muitos rios desta região hidrográfica nascem em áreas de planaltos e serras, correndo em direção ao mar, onde estão localizadas suas fozes.

 

- Nas áreas desta região hidrográfica predomina o bioma da Mata Atlântica (vegetação remanescente).

 

- Os maiores rios da bacia do Atlântico Sudeste, no tocante a volume de água e extensão, são: rio Paraíba do Sul e rio Doce.

 

- Esta bacia hidrográfica está localizada na região mais povoada e industrializada do Brasil.

 

- Os climas predominantes nesta bacia hidrográfica são: litoral úmido (faixa litorânea norte), subtropical úmido (área norte da bacia) e tropical de altitude (área da Serra da Mantiqueira em Minas Gerais).

 

- O potencial hidrelétrico desta bacia é de, aproximadamente, 10,2 mil MW (em dezembro de 2016 - fonte: Eletrobras).

 

- Os rios dessa bacia percorrem, principalmente, relevos de planície e planalto.

 

- Seu aproveitamento econômico é voltado, principalmente, para geração de energia elétrica, navegação e pesca.

 

Principais rios da região hidrográfica do Atlântico Sudeste:

 

- Rio Paraíba do Sul

 

- Rio Doce

 

- Rio Itapemirim

 

- Rio Itabapoana

 

- Rio Santa Maria

 

- Rio Benevente

 

- Rio Reis Magos

 

- Rio Jacu

 

- Rio Ribeira

 

Vista aérea do rio Doce em Minas Gerais

Rio Doce em Minas Gerais: um dos principais rios da Bacia hidrográfica do Atlântico Sudeste.

 

 

 

Bacia Hidrográfica do Atlântico Sul

 

A bacia hidrográfica do Atlântico Sul está localizada na parte oriental do estado do Rio Grande do Sul e faixa leste dos estados de Santa Catarina e Paraná. Portanto, ela vai da divisa leste dos estados de São Paulo e Paraná até o Arroio Chuí no extremo sul do Brasil. - Essa bacia hidrográfica é também conhecida como Bacia Costeira do Sul.

 

Principais características:

 

- Possui extensão aproximada de 186 mil km² (corresponde a cerca de 2% do território brasileiro).

 

- A maior parte dos rios desta bacia é de pequeno porte.

 

- Grande parte dos rios nasce nas áreas de planalto, indo desembocar no Oceano Atlântico. Porém, seus rios percorrem áreas de planalto e de planície.

 

- Nas áreas desta bacia hidrográfica predomina o bioma de Mata Atlântica.

 

- Os maiores rios da bacia do Atlântico Sul, no tocante a volume de água, são o Capivari e o Itajaí (ambos localizados no estado de Santa Catarina).

 

- Os rios dessa bacia são aproveitados, principalmente, para a navegação.

 

- O regime fluvial dessa bacia hidrográfica é o subtropical austral.

 

Principais rios da Bacia do Atlântico Sul:

 

- Rio Capivari

 

- Rio Itajaí-Açu

 

- Rio Jacuí

 

- Rio Vacacaí

 

- Rio Camaquã

 

- Rio das Antas

 

- Rio Taquari

 

Foto do rio Itajaí-açu em Blumenau

Rio Itajaí-açu em Blumenau: um dos principais rios da bacia hidrográfica do Atlântico Sul.

 

 

 

Você sabia?

 

- Geralmente é utilizado o nome do rio mais importante para nomear uma bacia hidrográfica.

 

- As bacias hidrográficas também são conhecidas como bacias fluviais ou bacias de drenagem.

 

 


atualizado em 24/09/2021




Você também pode gostar de:


Bacias Hidrográficas do Brasil e suas características principais Temas Relacionados
Bibliografia Indicada

 

Conceitos de Bacias Hidrográficas - teorias e aplicações

Autor: Camargo, Antônio e outros

Editora: Editus


Fontes de referência do texto:

 

- MORAES, Paulo Roberto. Geografia Geral e do Brasil – Volume Único. São Paulo: Editora Harbra, 2016.

- TERRA, Lygia. Geografia. Conexões. Estudos de Geografia Geral e do Brasil - Volume Único. Série Moderna Plus. São Paulo: Editora Moderna, 2014. 


Os textos deste site não podem ser reproduzidos sem autorização de seu autor.
Só é permitida a reprodução para fins de trabalhos escolares.
Copyright © 2004 - 2021 SuaPesquisa.com
Todos os direitos reservados.