Décio Pignatari

Quem foi, biografia resumida, resumo das características do estilo literário, principais obras, exemplo de poesia concreta.


Décio Pignatari: um dos principais poetas do Concretistmo no Brasil
Décio Pignatari: um dos principais poetas do Concretistmo no Brasil

 

Quem foi

 

Décio Pignatari foi um poeta, professor, dramaturgo, contista, publicitário, tradutor e ensaísta brasileiro do século XX e início do século XXI. É considerado um dos principais representantes do Concretismo na Literatura Brasileira.

 

Biografia resumida

 

- Décio Pignatari nasceu na cidade de Jundiaí (São Paulo), em 21 de agosto de 1927.

 

- Seus país eram imigrantes italianos.

 

- No final da década de 1940, publicou seus primeiros poemas na Revista Brasileira de Poesia.

 

- Em 1952, fundou o grupo Noigandres com os poetas Augusto de Campos e Haroldo de Campos.

 

- Em 1953, formou-se em Direito pela USP.

 

- Entre 1953 e 1955, viveu na Europa.

 

- No ano de 1956, com o grupo Noigandres, lançou oficialmente o movimento de poesia concreta, na Exposição Nacional de Arte Concreta no Museu de Arte Moderna de São Paulo.

 

- Em 1965, junto com Haroldo de Campos e Augusto de Campos, lançou a obra Teoria da Obra Concreta.

 

- A partir do final da década de 1960, começou a fazer estudos na área de Semiótica.

 

- Em 1962, recebeu o Prêmio Jabuti de Literatura.


- No ano de 1975, participou do lançamento da Associação Brasileira de Semiótica.

 

- Em 1987, atuou como ator no filme O país dos tenentes.

 

- Em 1995, voltou a atuar, agora no filme Sábado, do diretor Ugo Giorgetti.

 

- Faleceu em 02 de dezembro de 2012, aos 85 anos, em São Paulo.

 

Principal movimento literário que pertenceu:

 

- Concretismo (poesia concreta)

 

Resumo das principais características do estilo literário:

 

- Utilização de efeitos gráficos em suas obras literárias.

 

- Poesias criadas com elementos do design gráfico e também da publicidade.

 

- Presença de grande criatividade e inovação na forma de apresentar os textos poéticos.

 

- Presença, em algumas de suas obras, de aspectos eróticos e uso de sátiras.

 

- Linguagem criativa e inovações formais.

 

- Abordagem, em muitos de seus poemas, de diversos aspectos da cultura brasileira.

 

Principais obras de Décio Pignatari:

 

- Carrossel (1950)

 

- Teoria da poesia concreta (1965)

 

- O rosto da memória (1986) – contos

 

- Poesia Pois É Poesia (1986)

 

- O que é comunicação poética (1987)

 

- Contracomunicação (1971)

 

- Semiótica e Literatura (2004)

 

- Errâncias (1999)

 

- Semiótica da Arte e da Arquitetura (1981)

 

- Letras Artes Mídia (1995) – estudo teórico

 

- Retrato do amor quando jovem (1990)

 

- Cultura pós-nacionalista (1998) – estudo teórico

 

- Panteros (1992) - romance

 

- Céu de Lona (2004) – peça de teatro

 

- Debates: Informação, Linguagem, Comunicação (1977)


POema Coca-Cola de Décio Pignatari

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Exemplo de poesia concreta: Beba Coca-Cola (1957) de Décio Pignatari.

 

 

Artigo publicado em: 18/12/2019
___________________________________

Por Elaine Barbosa de Souza
Graduada em Letras (Português e Inglês) pela FMU (2002).






Décio Pignatari Temas Relacionados
Bibliografia Indicada

 

Poesia Concreta Brasileira - as Vanguardas na Encruzilhada Modernista

Autor: Aguilar, Gonzalo

Editora: Edusp

Ano: 2005

Temas do livro: Literatura Brasileira, Crítica Literária, Poesias

 


Os textos deste site não podem ser reproduzidos sem autorização de seu autor.
Só é permitida a reprodução para fins de trabalhos escolares.
Copyright © 2004 - 2020 SuaPesquisa.Com
Todos os direitos reservados.