Energia Eólica no Brasil

A cada ano a geração de energia eólica aumenta no Brasil.


Parque eólico de Osório: o segundo maior gerador de energia eólica do Brasil
Parque eólico de Osório: o segundo maior gerador de energia eólica do Brasil

 

Geração de energia eólica no Brasil

 

Apesar de ter um território vasto com ótimo potencial de geração de energia elétrica utilizando o vento, o Brasil ainda produz pouca energia a partir desta fonte (em comparação com outras fontes), embora a exploração desta fonte energética renovável tenha crescido nos últimos anos. Atualmente, o Brasil possui capacidade instalada de geração de 58 TWh (em 2020), correspondendo a cerca de 9,5% de participação na matriz elétrica nacional. São cerca de 680 parques eólicos (em 2020) e cerca de 7.900 aerogeradores (turbinas eólicas) em todo território nacional (dados de 2020). Porém, um dado positivo é que estes números crescem a cada ano. A energia eólica gerada, atualmente no Brasil, pode abastecer cerca de 30,2 milhões de residências.

 

Cerca de 80% dos parques eólicos estão instalados na região Nordeste do Brasil. Isso se explica pela alta presença de ventos na região.

 

A expansão 

 

Entre os anos de 2019 e 2020, houve um crescimento de 17% na geração de energia eólica (aumento de 9,7 TWh) em nosso país. Atualmente, a energia eólica gerada no Brasil é utilizada por, aproximadamente, 90,5 milhões de pessoas.

 

De acordo com o Ministério das Minas e Energia do Brasil, em 2020, a energia eólica representou 9,5% da matriz energética brasileira.

 

Importância e vantagens para o meio ambiente

 

A geração de energia elétrica através desta fonte é de extrema importância para o Brasil, pois se trata de uma fonte renovável e limpa. Os parques eólicos não emitem CO2 (gás carbônico) e apresenta um bom custo-benefício na tarifa de energia.

 

Com a energia eólica, nosso país está dando um grande passo na direção do desenvolvimento sustentável.

 

 

Principais Parques Eólicos no Brasil:

 

- Complexo Eólico Alto Sertão I - localizado no semiárido baiano, é o maior parque gerador de energia eólica do Brasil e também da América Latina. As 184 torres geram 294 megawatts de energia (cerca de 30% de toda energia eólica gerada no Brasil). Inaugurado em junho de 2012, o complexo pertence a empresa Renova Energia e teve investimento de 1,2 bilhão de reais.

 

- Parque Eólico de Osório: instalado no munício gaúcho de Osório, éo segundo maior centro de geração de energia eólica no Brasil (em 2011). Possui a capacidade instalada de 150 megawatts.

 

- Usina de Energia Eólica de Praia Formosa: instalada na cidade de Camocim (Ceará). Possui a capacidade instalada de 104 megawatts.

 

- Parque Eólico Alegria: instalado na cidade de Guamaré (Rio Grande do Norte). Possui a capacidade instalada de 51 megawatts.

 

- Parque Eólico Delta do Parnaíba - CGE Delta 1 (Piauí) - Possui capacidade instalada de 70 megawatts.

 

- Parque Eólico do Rio de Fogo: instalado na cidade de Rio do Fogo (Rio Grande do Norte). Possui capacidade instalada de 41 megawatts.

 

- Parque Eólico Eco Energy: instalado na cidade de Beberibe (Ceará). Possui capacidade instalada de 25 megawatts.

 

- Complexo Eólico Ventos de Santa Joana: está instalado no estado do Piauí e possui capacidade de geração de 439 MW.



Curiosidades sobre a energia eólica no Brasil:

 

- As maiores empresas que atuam na geração de energia eólica no Brasil são: CPFL Renováveis, Cubico, Renova, Eletrosul e Enel Green Power.

 

- Os estados brasileiros que possuem a maior quantidade de parques eólicos são: Bahia (166), Rio Grande do Norte (160), Rio Grande do Sul (81), Ceará (82) e Piauí (61) . (dados de 2020).

 

- De acordo com especialistas, o Brasil possuirá, no final de 2021, capacidade de geração de energia eólica de 19 GW.

 

- Num dia com boa quantidade de ventos, cerca de 55% da energia consumida no Nordeste tem como origem os parques eólicos da região.

 

Complexo Eólico Alto Sertão I na Bahia

Complexo Eólico Alto Sertão I: localizado no interior da Bahia é o maior do Brasil.

 

 

 

Principais fontes dos dados: GWEC (Global Wind 2019 Report) e Associação Brasileira de Energia Eólica (ABEEólica).

 

 


 

última atualização em 26/04/2021




Você também pode gostar de:


Energia Eólica no Brasil Temas Relacionados
Bibliografia Indicada

 

De Sol a Sol - a energia do século XXI

Autor: Silva, Cylon Gonçalves da

Editora: Oficina de Textos


Os textos deste site não podem ser reproduzidos sem autorização de seu autor.
Só é permitida a reprodução para fins de trabalhos escolares.
Copyright © 2004 - 2021 SuaPesquisa.com
Todos os direitos reservados.