Protecionismo

O protecionismo é uma prática econômica que os países usam para proteger suas indústrias e empresas da concorrência externa.


Protecionismo: ameaça ao crescimento do comércio mundial
Protecionismo: ameaça ao crescimento do comércio mundial

 

Definição - o que é

 

O protecionismo é um mecanismo usado pelo governo dos países para proteger as indústrias nacionais da concorrência externa.

 

Protecionismo e Mercantilismo 

 

O protecionismo foi muito utilizado na Europa durante a fase do mercantilismo (séculos XVII e XVIII). Os reis absolutistas criavam barreiras alfandegárias, aumentando os impostos de importação. Desta forma, dificultavam a venda de produtos do exterior em seu território, pois os produtos estrangeiros encareciam muito. Na concorrência, os produtos nacionais ficavam sempre mais baratos, atraindo os consumidores. Este protecionismo visava também evitar a saída de moedas do território nacional.

 

Neste período, alguns reis chegavam a ser mais radicais, proibindo totalmente a entrada de produtos estrangeiros.


Principais mecanismos protecionistas:

 

- Aumento da carga tributária sobre a importação de gêneros agrícolas e manufaturados;

 

- Criação de diversas regras e normas para a entrada de produtos estrangeiros;

 

- Utilização de subsídios para baratear os produtos nacionais.

 

Protecionismo e Globalização 

 

Na segunda metade do século XX, o protecionismo começou a perder força. Com o processo de globalização da economia, muitas barreiras alfandegárias caíram e o comércio internacional passou a ser estimulado e ganhou força. Países que se negaram a entrar no comércio internacional, abrindo suas economias, passaram a ter seu desenvolvimento econômico prejudicado.


Na atualidade 

 

Nos dias atuais, o protecionismo perdeu força e é considerado uma prática econômica desleal. A OMC (Organização Mundial do Comércio) regula o comércio internacional, visando combater práticas comerciais protecionistas. Mesmo assim, muitos países ainda usam o mecanismo do subsídio, principalmente na área agrícola, como forma de proteger os agentes econômicos nacionais.


Imagem superior de uma navio cargueiro e inferior de containers num porto.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Uma das principais estratégias protecionistas é o aumento de impostos e taxas sobre os produtos estrangeiros. Essa prática é conhecida como protecionismo alfandegário.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

atualizado em 22/09/2020
___________________________________

Por Jefferson Evandro Machado Ramos
Graduado em História pela Universidade de São Paulo - USP (1994).






Protecionismo Temas Relacionados
Bibliografia Indicada

 

O Brasil e o protecionismo

Autor: Barral, Weber O. ( organizador)

Editora: Aduaneiras

Temas: Comércio Exterior e Economia

 

Comércio internacional e protecionismo

Autor: Prazeres, Tatiana L.

Editora: Aduaneiras

Temas: Comércio Exterior e Economia.

 

Fonte de referência:

 

- SANDRONI, Paulo. Novíssimo Dicionário de Economia. São Paulo: Editora Best Seller, 1999. 

 


Os textos deste site não podem ser reproduzidos sem autorização de seu autor.
Só é permitida a reprodução para fins de trabalhos escolares.
Copyright © 2004 - 2020 SuaPesquisa.Com
Todos os direitos reservados.