Energia Nuclear

A energia nuclear é uma das fontes energéticas usadas no mundo atual.


Usina geradora de energia nuclear
Usina geradora de energia nuclear

 

O que é

 

A energia nuclear é aquela liberada através do núcleo dos átomos. Como sabemos, todos os materiais do nosso planeta são constituídos por minúsculas partes conhecidas como moléculas. Estas moléculas, por sua vez, são formadas por átomos. 

 

Principais características da energia nuclear:

 

Os átomos são formados por núcleo e elétrons, que são orbitais, ou seja, gravitam em torno do núcleo. As partículas que formam o núcleo são unidas por uma força de atração. Quando uma energia externa é aplicada, o núcleo do átomo é desintegrado, liberando calor e radiação. O urânio, em função de suas características químicas, é o elemento utilizado para a geração de energia nuclear nas usinas atômicas.

 

Atualmente, vários países possuem usinas nucleares que produzem energia. Esta energia é considerada limpa, pois não polui o meio ambiente, porém o lixo radioativo deve ser armazenado em locais adequados, seguindo diversas normas rígidas de segurança. O Brasil, por exemplo, possui três usinas nucleares (uma está inativa) na cidade de Angra dos Reis (Rio de Janeiro). O grande problema das usinas nucleares é que devem ser tomadas diversas medidas de segurança, pois em caso de acidente, as consequências para o homem e meio ambiente são trágicas e extremas.

 

Armas nucleares e energia atômica

 

Algumas tecnologias utilizadas na geração de energia nuclear podem ser usadas no processo de fabricação de bombas nucleares. Por isso, existe uma grande preocupação da AIEA (Agência Internacional de Energia Atômica) sobre o domínio destas tecnologias, para que elas possam ser usadas somente para fins pacíficos. Contudo, vale ressaltar que os processos de geração de energia atômica e os de fabricação de armas nucleares são diferentes. Na geração de energia nuclear, para alimentar um reator de fissão, são utilizados o Urânio 235 ou o 238. Já na fabricação de armas nucleares, somente o Urânio 235 é utilizado, pois é mais energético.

 

Vários países do mundo possuem estas tecnologias, sendo que Estados Unidos e a Rússia possuem os maiores arsenais nucleares do mundo. O poder de devastação destas bombas é enorme. Além de provocar a morte de grandes quantidades de pessoas e causar grande destruição material, provocam diversos tipos de doenças nos sobreviventes, entre elas o câncer. No final da Segunda Guerra Mundial (1939-1945), os Estados Unidos lançaram bombas deste tipo nas cidades japonesas de Hiroshima e Nagasaki, causando grande destruição e milhares de mortes.

 

O desarmamento nuclear em nível internacional seria de extrema importância para garantir as atuais condições de vida no planeta. Uma guerra atômica de grandes proporções poderia gerar consequências terríveis para a espécie humana. Este processo de desarmamento pode ser realizado através da reciclagem do material radioativo das ogivas nucleares. E esse processo é feito exclusivamente em reatores nucleares.

 

Curiosidades: 

 

- O primeiro fenômeno nuclear ocorreu em 1896. O pesquisador H. Becquerel descobriu a emissão de radioatividade pelo urânio.

 

- Foi a partir da década de 1950, já conhecendo os efeitos devastadores das bombas nucleares jogadas em Hiroshima e Nagasaki, que o mundo começou a criar programas para o uso pacífico da energia nuclear. Foi a ONU quem coordenou este processo, criando a AIEA (Agência Internacional de Energia Atômica) em 1957. 

 

Foto da Usina Nuclear de Angra 1

Usina Nuclear de Angra 1 no estado do Rio de Janeiro.

 

 

AIEA - Agência Internacional de Energia Atômica

 

A AIEA (Agência Internacional de Energia Atômica) é uma organização internacional autônoma, com relações diretas com a ONU (Organização das Nações Unidas). É voltada para o uso seguro e pacífico da energia atômica. Ela foi estabelecida em 29 de julho de 1957 e sua sede fica na cidade de Viena (Áustria).

 

São membros da Agência Internacional de Energia Atômica 172 países. Fazem parte a maioria dos países integrantes da ONU.

 

A AIEA é uma organização de extrema importância no tocante à segurança mundial, principalmente no que se refere ao uso de armas nucleares. Como vários países detém tecnologias voltadas para a geração de energia nuclear e produção de armas atômicas (muitos até possuem estas armas), esta agência é fundamental para o controle e fiscalização deste tipo de energia.

 

As principais funções e objetivos da AIEA são:

 

- Promover o uso pacífico e seguro da Energia Atômica em todo mundo;

 

- Inibir o uso da energia atômica para fins militares como, por exemplo, fabricação de bombas atômicas. Este serviço é realizado através de constantes inspeções aos países que usam a energia atômica;

 

- Ajuda aos países membros na melhoria das capacidades científicas e tecnológicas nas aplicações pacíficas da energia atômica;

 

- Promover entre os países membros a utilização de técnicas nucleares voltadas para o desenvolvimento sustentável;

 

- Desenvolvimento de programas voltados para a segurança e proteção de pessoas e meio ambiente contra os efeitos nocivos da radiação nuclear.

 

 

TEXTO COMPLEMENTAR: A USINA NUCLEAR

 

Usina Nuclear, também conhecida como central nuclear, é uma instalação que produz energia elétrica através de reações nucleares de elementos radioativos.

 

O urânio: a principal fonte de energia das usinas

 

O elemento mais utilizado nas usinas é o urânio. Este material é colocado em barras dentro dos reatores da usina. O calor gerado pela reação move um alternador que produz a energia elétrica. 

 

Lixo nuclear 

 

Um dos grandes problemas é a geração do lixo nuclear por parte destas usinas. Este lixo deve ser manipulado, transportado e armazenado, seguindo todas as normas de segurança. Isso ocorre, pois, os resíduos radioativos são extremamente perigosos caso ocorra contato com seres humanos, fontes de água, terra, ar, etc.

 

Usinas no Brasil 

 

O Brasil possui duas usinas nucleares em atividade, Angra I e Angra II, situadas no município de Angra dos Reis (estado do Rio de Janeiro). A Usina de Angra 3, localizada na mesma cidade, está em processo de construção. Quando finalizada, ela produzirá cerca de 1.400 megawatts.

 

Exemplos de países que geram grande quantidade de energia em usinas nucleares:

 

- Japão

 

- Estados Unidos

 

- Alemanha

 

- França

 

- Bélgica

 

- Eslováquia

 

- Ucrânia

 

- Hungria

 

- Suécia

 

- Coreia do Sul

 

 

Curiosidades:

 

- A maior usina nuclear do mundo fica no Japão. Com capacidade de geração de quase 8 mil MW, a Usina de Kashiwazaki-Kariwa possui sete reatores.

 

- O maior acidente em usina nucleares da história aconteceu em abril de 1986, em Chernobyl (Ucrânia). Cerca de 2,4 milhões de pessoas morreram nesse terrível acidente.

 

Foto da Usina de Angra I, no estado do Rio de Janeiro

Usina Nuclear de de Angra I (estado do Rio de Janeiro): potência nominal de 650 MW.

 

 

Saiba mais:

 

- Obtenha mais dados e informações sobre a energia nuclear no website da Eletro Nuclear.

 

 



atualizado em 08/09/2021




Você também pode gostar de:


Energia Nuclear Temas Relacionados
Bibliografia Indicada

 

Energia nuclear - vale a pena?

Autor: Goldemberg, Jose

Editora: Scipione


Os textos deste site não podem ser reproduzidos sem autorização de seu autor.
Só é permitida a reprodução para fins de trabalhos escolares.
Copyright © 2004 - 2021 SuaPesquisa.com
Todos os direitos reservados.