girondinos

Os Girondinos
Quem eram os girondinos, liderança de Jacques Pierre Brissot, participação na Revolução Francesa

Jacques Pierre Brissot: líder dos girondinos no processo da Revolução Francesa
Jacques Pierre Brissot: líder dos girondinos no processo da Revolução Francesa


 

Quem eram os girondinos 

Os Girondinos faziam parte um grupo político moderado durante o processo da Revolução Francesa. Seus integrantes faziam parte da burguesia francesa. Eram assim chamados, pois faziam parte do partido político conhecido como Gironda. Liderados por Jacques Pierre Brissot, os Girondinos compunham o Terceiro Estado, junto com os Jacobinos e os Cordeliers.

Principais ideais

Os Girondinos defenderam, durante o processo da Revolução Francesa, a instalação de uma monarquia constitucional na França, após a queda do absolutismo. Portanto eram contrários ao radicalismo defendido pelos jacobinos. 

Embora não fossem radicais, os girondinos reagiram com violência às medidas radicais tomadas pelos jacobinos durante a fase da Convenção Nacional. Chegaram a promover perseguições, conspirações e até assassinatos de jacobinos.

Eram também favoráveis a liberdade das atividades econômicas, sem grandes intervenções do governo.

Defensores de um sistema republicano moderado, os girondinos eram favoráveis a exclusão dos mais pobres das eleições. Em 1795, implantaram o sistema de voto censitário (baseado em rendas) na França.

Girondinos na fase do Terror

Com a instituição do regime do Terror pelos jacobinos, os líderes girondinos foram eliminados em outubro de 1793. Retomaram o controle da revolução em 1794, com a prisão e execução do líder jacobino Robespierre.

 

 

 

 

_________________________________________

Veja também:

Revolução Francesa

Jacobinos

Queda da Bastilha

Livros sobre a Revolução Francesa

 

 

Acessar História

Página Inicial | Pesquisar Conteúdo | Trabalhos Escolares | Dicas de Estudo

 

 

 

 

Copyright © 2004 - 2013 Sua Pesquisa. Todos os direitos reservados. Este texto não pode ser reproduzido
sem autorização de seu autor. Só é permitida a reprodução para fins de trabalhos escolares.