Constantino I

Biografia resumida deste imperador romano, principais realizações, editos, Constantino e o cristianismo


Constantino I: primeiro imperador romano cristão
Constantino I: primeiro imperador romano cristão

 

Quem foi


Constantino I, também conhecido como Constantino Magno, foi um imperador romano que nasceu na cidade de Naissus (na atual Sérvia) em 26 de fevereiro de 272. Seu nome completo era  Flávio Valério Aurélio Constantino (em latim: Flavius Valerius Aurelius Constantinus). Foi o primeiro imperador romano cristão da História.

 

Período de Governo


Constantino foi imperador do Império Romano entre os anos de 306 a 337. No ano de 312 foi aclamado como Augusto no Ocidente.

 

Principais momentos da vida e realizações:


- Viveu boa parte de sua infância e juventude na corte do imperador Diocleciano.

 

- Aos 33 anos participou das campanhas militares romanas na região da Britânia (atual Grã-Bretanha).

 

- Com a morte do pai (Constâncio Cloro) em 306 foi aclamado imperador romano.

 

- Passou grande parte do seu reinado combatendo militarmente povos germânicos (francos, alamanos e visigodos) que pretendiam ultrapassar as fronteiras do império romano.

 

- Através do Edito de Milão (ano de 313) acabou com a perseguição romana aos cristãos. Constantino se converteu ao cristianismo, porém não transformou a religião em oficial do Império. Se aproveitou do crescimento do cristianismo, em quase todas as regiões do império, para aumentar sua força política.

 

- Em 7 de março de 321 foi promulgado o Edito de Constantino, legislação que defendeu o descanso aos domingos em homenagem ao deus-Sol (Sol Invictus).

 

- Convocou o I Concílio de Niceia em 325. Participaram cerca de 300 bispos cristãos. Sob a influência de Constantino, o concílio definiu a natureza divina de Jesus, a fixação da data da Páscoa (passou a ser diferente da Páscoa judaica) e a promulgação da lei canônica. Ficou definido também que o domingo seria o dia de descanso dos cristãos.

 

- Construiu a cidade de Constantinopla (atual Istambul, capital da Turquia) a partir de Bizâncio, de 326 a 330. Transferiu a capital do império para Constantinopla de onde governou.

 

- Constantino faleceu em 22 de maio de 337 na cidade de Nicomédia (atual Izmit, Turquia).




Impressão Google+


Constantino I Temas Relacionados
Bibliografia Indicada

 

- A espada de Constantino
  Autor: Carrol, James T.
  Editora: Manole
  Temas: Cristianismo, História


Veja Também


Temas diversos

Siga-nos no
Os textos deste site não podem ser reproduzidos sem autorização de seu autor.
Só é permitida a reprodução para fins de trabalhos escolares.
Copyright © 2004 - 2015 SuaPesquisa.Com
Todos os direitos reservados.